O frei Sebastião, da paróquia Sagrado Coração de Jesus, de Pires do Rio (GO), pediu aos fiéis que, em vez de rezar, plantem uma árvore nativa da região para cada pecado que cometer, e o perdão virá do mesmo jeito.
Foi a forma que Sebastião encontrou para que a comunidade se envolva com a campanha deste ano da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), cujo tema é “Fraternidade e a Vida no Planeta”.
Além disso, o frade espera que haja um reflorestamento da cidade, que possui grandes áreas devastadas. Pires do Rio tem 29 mil habitantes e fica a 145 km de Goiânia. 
Pelo que o frade explicou, a penitência vale para todos os tipos de pecados, leves e graves. Portanto, quem paquerar a mulher de vizinho, por exemplo, não precisa se preocupar em plantar uma árvore mais robusta....



A “promoção” termina em outubro, quando haverá uma procissão para que os fiéis mostrem as mudas das sementes que plantaram.
A iniciativa do padre tem sido elogiada, mas também é motivo de brincadeiras previsíveis, como a do ecologista que passou a pecar mais para poder plantas mais árvores.